Como os atletas goianos estão lidando com a quarentena? Entrevista com Hélio “Pezim”

Em tempos de pandemia, o desafio atual dos atletas lutadores de alto rendimento, é não perder o foco dos treinos.

A ideia é que o impacto no ritmo de treinamentos, tenha o menor feito negativo possível no desempenho futuro do lutador.

Hélio ”Pezim”, atleta goiano de MMA, é um dos profissionais da luta que foi afetado com as mudanças que abateram sobre toda sociedade mundial.

”Pezim”, estava no card da edição 15 do NP FIGHT, quando por conta da quarentena foram cancelados todos eventos, sem previsão de retorno. 

O Conexão Combate conversou com o atleta para saber como ele tem mantido o foco em um momento em que as academias estão fechadas para treinos:  

*Como está sua rotina de treinos nessa pandemia?

”Mesmo com essa parada, eu continuo meus treinos, mudando algumas coisas naturalmente, com menos parceiros por conta de estarem academias fechadas, treinos em casa e com resguardos”. 

*E a alimentação durante a quarentena ? 

”Minha alimentação e a mesma sempre, independente de pandemia, mesmo porque, eu costumo focar em dieta no período da luta”.

*Tem assistido as lutas do UFC ? Já imaginou como seria lutar em um ginásio sem público?

”Eu penso que não deve ser uma boa experiência, já que um dos meus combustíveis é a torcida. Eu luto não só pra mim, luto para todos que me apoiam. Certamente iria sentir muita diferença”.

*Em sua opinião, qual a melhor rotina pra se manter ainda focado no alvo, durante a quarentena?

”Eu acho que não se pode parar nem um dia,  para a famosa preguiça não tomar conta, eu particularmente botei mais foco, aproveitando não ter competições alguma no momento e aperfeiçoar”.

*Manda um recado para a galera que te acompanha 

”Só quero dizer ao pessoal, que estava na energia junto comigo para a luta que eu ia fazer no NP FIGHT, que estou apenas esperando as coisas voltarem ao normal, para entrar naquele cage e dar o meu melhor. Podem esperar”! 

Categorias
MMAMUAY THAINP FIGHT BRASILSem classificação
Um Comentário
  • Helio pezim
    18 junho 2020 at 21:28
    Deixe uma resposta

    Top como sempre as entrevistas

  • Deixe uma resposta

    *

    *

    RELACIONADOS